Pages Navigation Menu

Penso, logo duvido.

As derradeiras reflexões de Dionísio Wiener – Fernando Dourado

Quando percebeu que urgia tomar uma providência, e tão logo começou a fazer a ronda de especialistas e hospitais, expondo-se de mau grado à sisudez e à impontualidade dos médicos, Dionísio se deu conta de que todos os prazos estavam…

Read More

Hebdomadário da Corte X – Luciano Oliveira

Estes dias, em vez de livros, ando lendo leis! (Não é a minha leitura favorita, mas, como diz um antigo provérbio chinês que Hannah Arendt gostava de citar, “é uma maldição viver em tempos interessantes”…) Sim, leis.

Read More

Quem tem muito voto não entra! – Maurício Costa Romão

Nos bastidores eleitorais a rejeição por alguns partidos à filiação de pré-candidatos eleitoralmente fortes ao Parlamento é fato tão corriqueiro que nem chega merecer atenção no dia-a-dia do meio político.

Read More

Eleições perigosas, e decisivas – Elimar Pinheiro do Nascimento

Não quero falar da prisão de Lula, do ódio dos petistas e do sarcasmo idiota dos seus adversários, do circo dos horrores do STF, dos temores que renasceram com as falas dos militares e, sobretudo, da intolerância e irracionalidade que nos perpassam de forma ferina e vil.

Read More

O populismo e nova seita no Brasil – Sérgio C. Buarque

No palanque armado no pátio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, uma nova seita emergiu no sábado, através da fala do profeta Luis Inácio Lula da Silva, com seu carisma e gestual sedutor e mobilizador da militância.

Read More

Adeus à privacidade – Editorial

A tecnologia da informação e comunicação tem o peso da força da gravidade. Nada escapa a ela. Nunca tivemos tanto acesso a informação e conhecimento, nem foi tão fácil e intensa a comunicação entre as pessoas.

Read More

Será?

Por que lançar mais um blog na rede virtual já saturada de informação? O que acrescentar a este alucinado bombardeio de dados, notícias e informações que circulam e inundam o planeta?

Read More

Os Inimigos do Livro – Paulo Gustavo

É provável que o “Dom Quixote” de Cervantes seja um dos primeiros livros a abordar o livro e o seu fascínio e, nesse contexto, o livro e seus inimigos. Quem não se lembra, no romance, como a sobrinha e o cura jogam fora vários dos seus mais queridos livros de cavalaria?

Read More

Causos Paraibanos: Figuras dos meus verdes anos ii – Clemente Rosas

Chico Gaioleiro, assim chamado por fazer gaiolas de passarinhos, é o primeiro dessa lista de infelizes.  Com grave doença, não sei se hepática ou renal, era acometido de hidropisia, e se apresentava, com o ventre tão…

Read More

Hebdomadário da Corte IX – Luciano Oliveira

Depois de uma depressão passageira (toc! toc! toc!) que me acometeu a semana passada, volto a encarar o mundo: como sempre, barricado atrás dos livros. Ando lendo La société punitive, de Michel Foucault (curso que ele ministrou noCollège de Franceentre 1972 e 1973).

Read More

Ela é porque nós somos! – Márcia Alcoforado

Passaram-se já algumas semanas do brutal assassinato de Marielle Franco. Propositalmente deixei passar um certo tempo, refreando-me do impulso natural de sentar e escrever, sempre que algum acontecimento me afeta.

Read More

The day after – Editorial

O juízo final, que havíamos anunciado, afinal se cumpriu.  O STF, pela grandeza da sua presidente, assegurou o seu lugar no empíreo.  A negação do “habeas corpus” preventivo em favor do ex-presidente Lula elevou a Justiça brasileira ao patamar desejado por todos os cidadãos honestos…

Read More

Hebdomadário da Corte VIII – Luciano Oliveira

Ontem, quarta-feira (data-limite que me imponho para enviar o “hebdô” à Será?), ainda não tinha dado à luz uma mísera linha. E como o pensamento não fluía, deixei-o flanar.

Read More

Causos Paraibanos – Figuras Dos Meus Verdes Anos – I – Clemente Rosas

É bem conhecida a afirmação do poeta inglês, de que a criança é pai do adulto.  Poucos anos de sua infância passou Manuel Bandeira no Recife, e esse tempo impregnou, assumidamente, toda a sua obra. 

Read More

A lagartixa virou serpente – Editorial

Em novembro de 2014, o editorial da Revista Será?, intitulado “O ovo da lagartixa”, questionava opiniões pessimistas que comparavam o ambiente político no Brasil da época (há quase quatro anos) com a desagregação social e política que levou ao nazismo na Alemanha, em 1933, retratada pelo cineasta Ingmar Bergman como o “ovo da serpente”.

Read More

Caicó, Seridó – Fernando Dourado

Durante muitos anos, pareceu-me fora de propósito e de proporção que uma simples viagem de carro com meu pai pudesse render tantas reminiscências ao longo de uma vida fértil em tantas outras viagens como foi a minha.

Read More

O mundo, definitivamente, tá de Pá Virada – Elimar Pinheiro do Nascimento

Meu único aluno que se preocupa com a politica, gosta de politica e a valoriza, vive sempre em dificuldades pelo fato de pensar de forma lógica, e a realidade parecer ser avessa a esta postura, rindo de seu pobre raciocínio.

Read More

A túnica de Próspero e o punitivismo do Judiciário – Helga Hoffmann

E Próspero – supondo que seja o Duque de Milão expulso em 1611 – vestia túnica? Meu colega economista, Luiz Alfredo Raposo, antes de explicar aqui na “Será?” como a política é necessária e não há democracia sem política…

Read More

Carmina Burana de Carl Orff, sorte e desventura na roda da fortuna – Frederico Toscano

Uma curiosidade que muitos apreciadores da chamada “música erudita” nunca pararam para pesquisar é qual a peça clássica mais ouvida desde que foi gravada pela primeira vez.

Read More

Carta a Beth – Luiz Alfredo Raposo

Taí, dona Beth, o zap que você me fez iluminou a madrugada. Lembra letra de Paulo César Pinheiro para canção de Clara Nunes, mas foi isso: eu, hora dessa, a lhe falar das novas questões judiciais que envolvem o presidente.

Read More

Hebdomadário da Corte VII – Luciano Oliveira

Curto, grosso e sem luvas de pelica: eu acho Jair Bolsonaro, como fenômeno político, uma coisa horrível; e o fato de haver não-sei-quantos por cento de brasileiros dispostos a votar nele para presidente da república, uma coisa horripilante.

Read More

Juízo Final para o STF – Editorial

O Supremo Tribunal Federal selou hoje o seu destino, marcando para o dia 4 de abril o julgamento que valerá como um Juízo Final para a nossa mais elevada Corte.  Antes disso, tomou duas decisões que prenunciam – ai de nós!

Read More

A nova coalizão de governo na Alemanha – Helga Hoffmann

Haverá interrogações já a partir do título. Nova coalizão? Não é a mesma coalizão entre CDU/CSU e SPD que governou a Alemanha de 2013 a 2017? Passados quase seis meses da eleição parlamentar na Alemanha…

Read More

Brava gente del Mezzogiorno – Fernando Dourado

Se você já foi a Nápoles, e de lá se animou a pegar um trem, ou mesmo um carro, e se desceu ao longo da costa em direção ao bico da bota da Península, lá onde fica Reggio Calabria, diante da Sicília, algumas coisas lhe terão chamado a atenção no lindo trajeto.

Read More

Poesia Completa de um Poeta Completo – Paulo Gustavo

Chegou recentemente às livrarias um livro do qual todo pernambucano deveria se orgulhar. Refiro-me a “Alberto da Cunha Melo – Poesia Completa”, publicado pela Editora Record e organizado por Cláudia Cordeiro da Cunha Melo, crítica literária e viúva do poeta.

Read More

Hebdomadário da Corte VI – Luciano Oliveira

Acho que ninguém gosta de flanelinha. E até acho normal não gostar. Afinal, como não se sentir incomodado por esses camaradas que, de flanela na mão e aos gritos (muitas vezes uns com os outros), insistem em mostrar uma vaga que você mesmo acabou de ver?

Read More

O Gênio numa casca de noz – Editorial

Stephen Hawking libertou-se da poderosa força de gravidade do “buraco negro” e se lançou em nova aventura pelo universo.

Read More

Hebdomadário da Corte V – Luciano Oliveira

O hebdomadário desta semana (relevem o pleonasmo) vem com atraso de mais de um mês! Talvez ele tivesse sido escrito antes se, em 31 de janeiro último, eu tivesse lido a Veja que então foi às bancas.

Read More

Obrigado, Luiz Otávio! – Clemente Rosas

Luiz Otávio Cavalcanti levou a público sua decisão de afastar-se da presidência da FUNDAJ. Com a saída, para candidatar-se, do Ministro Mendonça Filho, que o recrutou para uma missão que se prenunciava espinhosa nas circunstâncias…

Read More

Como a me pedir desculpas – Teresa Sales

Em tamanho, aí no Brasil seria uma birosca. Uma garagem de sobrado. Cheguei ás cinco horas, aproveitando um pequeno estio. A voz do fadista se ouvia três ou quatro portas antes, na estreita calçada de pedras portuguesas.

Read More