Pages Navigation Menu

Penso, logo duvido.

Ecos Brasilienses -Eli S. Martins*

Eli S. Martins*
Daqui pra frente cada domingo será pior para o governo.
Filósofo de rua.

Personagem do filme V de Vingança.

Personagem do filme V de Vingança.

ELE AGUENTA?
Cunha está perigando cair. E tudo indica que ele vai antes da tia. Claro! Inventou de marcar meta. Este é o castigo. Não deveria ter marcado meta, e sim, dobrar a meta!

DEUS NÃO É JUSTO
Fala-se sempre que Deus é brasileiro. Acho que ele cansou, e desistiu de nós desde o ano passado. Saudades do Eduardo Campos. Nós é que não podemos desistir do Brasil. Adeus Nova Zelândia!

MUDANÇA DE FOCO
Segundo Lula, a Agenda de Renan foi a tábua de salvação do governo, pois mudou o foco da Lava Jato. “Até quando?” É o que pergunta minha vizinha costureira. Já meu neto foi mais mordaz: “Isso vai nos custar pelo menos um implante novo de cabelo e uma pensão para a namorada”.

RENAN E AS RUAS
O presidente do Senado comentou na segunda feira, após as manifestações, que não era hora de comentar, mas de ouvir as ruas. Minha vizinha costureira não deixou por menos: “Ele não quer falar nada porque ainda não entendeu ou porque entendeu tudo e está com medo? ”.

DESESPERO
Se Temer e Lula forem atingidos pela Java Jato, como se espera de Cunha e Renan, sobrará quem para assumir a Nação? A tia Dilma? Minha netinha de seis anos disse feroz: “Não é justo!”.

TUCANOS DE BRIGA
Os empresários saíram em bloco em defesa do Governo Federal, da Globo à OAB. Disseram em alto e bom som que ela deve ficar até 2018, para enviar a piora da economia. Os tucanos, por sua vez, desceram do muro – quem diria? – e se declararam contra a presença de Dilma. Pedem que ela renuncie (FHC) ou que saia pelo impeachment (Aécio). Crise é assim, tudo pode acontecer. Segundo meu vizinho confeiteiro, o aumento da temperatura da crise deixou os tucanos de febre. Mas daqui a pouco, acaba.

DECISÃO TÉCNICA?
A presidente Dilma presenteou o governo do Rio de Janeiro com um equipamento para medir os participantes de manifestações por ocasião da Copa das Confederações em 2013. Na manifestação do dia 16 de agosto o equipamento não foi usado por “motivo técnico”. Qual? Ninguém sabe, ou quem sabe não quer falar. Só o Sergio Moro para obrigá-los!

UNE, MST E CUT
Para estes movimentos mensalão não existiu, e Petrolão…. é pura invenção. Gente enxerga o que quer!

A GLOBO DE NOVO
A Globo passou a defender a permanência da tia. A cobertura nas manifestações do dia 16 quase que se restringiu ao canal fechado, dando sequência ao editorial de seu jornal no começo do mês. E agora? Os governistas vão continuar execrando a mídia? Responsabilizando-a pela crise?

BRASIL É UM PAÍS RICO
Howard, amigo norte-americano, visitando-me na saída do hospital, comentou que descobriu que o Brasil é rico e está crescendo muito, nós é que não vemos: ”Antes a corrupção era medida em milhares, há 10 anos passou para milhões e, agora, entramos na casa dos bilhões”.

BOMBEIROS E MAIS BOMBEIROS
Aumenta o número de bombeiros da situação nacional. Tudo começou com uma conversa entre o representante da família Marinho e o presidente do Senado, por ocasião da homenagem à rede Globo, no dia 5. Uma conversa de 10 minutos. Seu conteúdo? É preciso criar uma saída com Dilma, pois, se ela resistir como promete ao impeachment, o País pode entrar em colapso. Depois, entrou com estrondo a tropa dos empresários com nota da FIRJAN e da FIES, no final de semana, 8. Na quarta feira, 12, o STF declarou que as contas de Dilma devem ser julgadas pelas duas casas parlamentares reunidas, sob a presidência do Renan. Antes, o TCU já tinha decidido ampliar o prazo para exame das contas da tia. Na quinta feira, 13, foi a vez do senador Cristovam Buarque capitanear a visita de um grupo de senadores independentes à Dilma. No sábado foi a vez do Romero Jucá em entrevista: “o governo está na UTI, pelo amor de Deus não racionem o oxigênio”. É gente muita! Assim a Dilma fica até 2018.

UMA COISA É UMA COISA E OUTRA É OUTRA COISA
Esta frase ganhou uma versão sofisticada com Dilma: “Diálogo é diálogo. Pauleira é pauleira”. A tia tá disposta a se vestir de anjo se necessário for para dizer que é boazinha. Enquanto a líder da CUT conclama o pessoal a pegar em arma. Meu vizinho confeiteiro foi incisivo: “A última vez que a esquerda pegou em armas deu um Dirceu e uma Dilma”. Deus nos acuda!

DUAS PALAVRAS DA MODA
Entropia: ação destruidora da energia, após ser usada; e, Anomia: situação de ausência de norma que gera conflitos. Todas duas rimam com tia.

DIGO E REPITO
Já disse há pouco mais de um mês: o fundo do poço ainda não chegou. Na última pesquisa DataFolha a rejeição a Dilma era de 65%, agora é de 71%. Este é o total de ruim e péssimo de seu governo em início de agosto. Ainda tem margem de 20% ladeira abaixo, são os que opinaram que seu governo é regular. E ainda sobra agosto.

A RAIZ DA CRISE
Que a crise é múltipla todos estão de acordo, mas qual a sua causa central: econômica, politica ou moral? O governo acha que é econômica, melhoria aqui resolveria tudo. Já os cientistas políticos mais frios acham que é politica, desamarramos o imbróglio político e a economia volta a funcionar. Minha faxineira, Dona Isabela, mais experiente, tem outro opinião: “O buraco é mais embaixo. Esperem e verão”.

AINDA A LEGITIMIDADE
“A legitimidade de Dilma hoje lembra a dos contos de réis ou dos cruzeiros e cruzados velhos e novos. Notas legítimas que perderam o valor de face e tiveram de ser substituídas”. Mary Zaidan, na coluna do Noblat.

TERCEIRIZAÇÃO
O Planalto continua sua ação em defesa da terceirização. Depois de terceirizar a economia para os bancos, e a política para o PMDB, agora Dilma terceirizou a agenda de desenvolvimento para o Renan, o “farol da República”. E parece que vai terceirizar a reforma ministerial para o Lula. Não é possível que a Lei sobre a terceirização não seja aprovada.

JUSTIÇA CONTAMINADA
Jogar contra o Corinthians com um trio de árbitro paulista só podia dar no que deu. O tapetão não acaba, só muda de camisa. Salve o bravo Leão da Ilha!
* Observador anônimo da política nacional

One Comment

  1. O resumo, meu caro escriba. Sua vizinha está com a razão.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *