Pages Navigation Menu

Penso, logo duvido.

Ecos Brasilienses – Eli S. Martins*

Eli S. Martins*

Personagem do filme V de Vingança.

Personagem do filme V de Vingança.

“A Câmara não precisa de detector de metais. Precisa de detector de mentiras”! 

 Filósofo do Congresso Nacional.

“Despesa inútil é furto à nação”. Dona Isabella, minha faxineira, quando soube das despesas de Dilma nas viagens internacionais.

LERDEZA

Meu vizinho confeiteiro, quando soube que Dona Dilma estava visitando a área do desastre da mineradora Samaco, em Minas Gerais, hoje, 12, declarou sorrindo: “Só agora! Sete dias depois! Essa senhora é lerda ou o quê”.

O MINISTRO NÃO FOI

Na terça feira passada, 12, um grupo de cerca de 30 senadores reuniram-se pela terceira vez. A cada encontro esteve presente um ministro. O primeiro foi o ministro Jacques Wagner. No dia seguinte dona Isabella, minha faxineira, que também faz a faxina na casa de um senador perguntou como tinha sido o jantar com o Ministro da Fazenda. Ele respondeu: “Ele não foi”. Dona Isabella, tendo lido os jornais espantou-se. “O Levy não foi?”. O senador respondeu: “Levy foi, mas o ministro não”.

ÇABIO

O Deputado Fausto Pinato (PRB/SP) é o relator do processo de cassação de Cunha no Conselho de Ética da Câmara de Deputados. E, além de ter processo na justiça por falso testemunho, é conhecido pelas frases monumentais, das quais a Dilma tem muito inveja. Uma delas é esta pérola de sabedoria: “O ser humano evoluiu. Hoje, crianças de 6, 7 anos mexem em computador. Nos anos 40 não era assim”.

RISCOS MAIORES

Segundo reuniões de senadores na semana passada o ano próximo periga ser tão ruim ou pior que este ano. Para o senador Requião, do Paraná: “É preciso parar com este Lev(y)ano isolamento do governo”. Os dias de Levy estão contados. Senadores e deputados de todos os quadrantes criticam sua política de ajuste, ajuste e ajuste, sem outra perspectiva.

COROAÇÃO DA RAINHA

Segundo meu companheiro de quarto no Hospital, Elizardo, a cerimônia para coroar Dilma como Rainha já está pronta. Só falta marcar a data. Lula colocou o Ricardo Berzoini para coordenar o governo; indicou Jacques Wagner, para fazer a articulação política e, agora, prepara o ingresso de Henrique Meirelles para dirigir a economia. O mesmo que Dilma dizia não suportar nem ouvir o nome. Com o ingresso do ex-presidente do Banco Central a Presidente entrega o poder para Lula. E recebe uma coroa de ouro de presente. Minha vizinha costureira não deixou por menos: “É a melhor saída pra bichinha”.

NOVO CANDIDATO

O Ibope fez, recentemente, uma pesquisa em torno dos principais nomes, no momento, para a eleição presidencial de 2018. Vai de Lula a Alckmin. Os comentaristas reclamaram da ausência do Caiado. Mas, segundo meu vizinho confeiteiro, no próximo ano teremos mais um: Meirelles. O ex-presidente do Banco de Boston só ingressa no governo se lhe derem o controle total da economia, incluindo a nomeação do Ministro do Planejamento e do presidente do Banco Central Vai repetir o caminho do Fernando Henrique? Se salvar a economia, é possível.

DIÁRIO DOS DIÁRIOS

FHC diz em seu diário que o atual deputado Heráclito Fortes é “futriqueiro”. A resposta foi característica do Heráclito: “Não acho o título tão ruim. Fiz futrica na casa do Presidente. E para ser bem-educado, pois a gente faz o que o anfitrião mais gosta”.

BONUS SEM ONUS

O PMDB é o mais esperto dos partidos. Há cinco anos está na Vice-Presidência e com diversos ministérios, além de outros cargos, mas não é responsável por nada que está ocorrendo de errado com o País. Esta comprovado na afirmação do presidente da Fundação Ulysses Guimaraes, Moreira Franco, na Isto É. “A crise decorre de medidas de natureza de política econômica que foram tomadas. Nós nunca participamos dessa. Nunca fomos nem chamados nem ouvidos”.

QUEM É DE DIREITA?

O Presidente do PSDB, o “direitista” Aécio Neves, declara a alto e bom som que o conservador, indiciado no Petrolão, deputado Eduardo Cunha, não pode continuar presidindo a Câmara dos Deputados e deve ser cassado. O “esquerdista” Rui Falcão, presidente do PT, declara que o seu partido não deve se preocupar com o Cunha, apenas com o Levy. Minha vizinha enfermeira, Ismeralda, disse na padaria que não entende mais nada de política.

ACORDÃO

Paira nos ares de Brasília um acordão para salvar Cunha e Dilma. De toda forma, tudo para o próximo ano. E depois? Esquecimento?

ACORDÃO 2

A juíza que cuidava da operação Zelotes, que inqueriu o filho do Presidente da República, foi substituída pelo juiz que mandou arquivar pedidos de investigação quando estava a frente do processo. Por quê? Ninguém sabe.

QUAL A INTENÇÃO?

O Presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, nomeou como relatora da ação que pede a cassação do diploma eleitoral da presidente Dilma e do seu vice, a ministra Maria Thereza de Assis Moura, a mesma que tentou arquivar o processo e foi derrotada por 5 a 2. O pessoal fala que esta atitude do ex-advogado do PT e atual ministro do STF é estranha ou pelo menos inusual. Todos nós achamos estranho. Será?

O PREÇO DA COMPUSTURA

“Se você quer, na vida política, se comportar dentro dos princípios do Estado de Direito, se prepare para ter inimigos e perder amigos”, José Eduardo Cardozo, ministro da Justiça falando a respeito das pressões de Lula para controlar a Polícia Federal.

A INTERNACIONALIZAÇÃO DA AMAZÔNIA CHEGOU

O relator do Orçamento no Senado, Acir Gusgacz (PDT/RO), propôs aumentar as receitas da União com vendas de terra na Amazônia. A senhora pacata da padaria da esquina não aguentou: “Estão mudando o mapa do Brasil”.

ALUGUEL

Um senador nos corredores das comissões, em uma terça feira pela manhã, declarou a alto e bom som que o PDT se transformou em barriga de aluguel do PT, pois Ciro é considerado como a alternativa se Lula, se ele não tiver condições de sair. O plano B.

LUPI DEMOCRÁTICO

Político é bicho esperto. Lupi conversou com o Lula, que lhe sugeriu receber o Ciro para ser candidato a presidente, caso ele não tenha condições de sair. Lupi recebeu e proclamou o cearense candidato de seu partido, literalmente. Com isso, transformou o PDT no plano B do PT. Muitos pedetistas não gostaram. Entre eles, o senador Cristovam Buarque, candidato a presidência pelo PDT em 2006, que declarou também ser pré-candidato. Lupi ficou furioso, começou a bater no senador do DF. Mas agora mudou de tática: disse que o PDT tem dois pré-candidatos. Quer posar de democrático e impedir a saída do senador Buarque. Meu neto não teve outra: “Já disse que o cara é experto, por isso controla o partido. Buarque que se cuide”.

*Observador anônimo da política nacional.

One Comment

  1. Mais uma vez, em traços lúdicos, Eli S. Martins, você publica a verdade que muitos teimam em não ver, ouvir ou falar.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *